Seguidores

sexta-feira, 25 de abril de 2008

DOMUNDO as horas não contam

Quem é DOMUNDO não tem horas! Elas não têem importância! O que guardo são momentos, lembranças e vivências. E são essas que me dão consistência, coragem, alegria e força para lutar e viver feliz. Mesmo nos momentos mais difíceis ou mais tristes, tenho uma "âncora" que me ajuda a ultrapassar e a ver a liçcão e o lado positivo que daí tirei e as defesas que adquiri. E assim, quando recordo o passado, só dou valor e só consigo lembrar-me dos "flashes" bons desses momentos, desses fragmentos que vão constituido o meu "eu".

Isto vem a proposito de que, ouvindo foguetes lá fora, lembrei-me de uma data:25 de Abril. O antes e o depois. Nostalgia do passado? Desilusão do prometido? Não creio! E julgo sómente pelo facto de, o que para mim é mais importante, ter conseguido preservar: a amizade, o respeito, a união, a paz!

1 comentário:

vebenne disse...

Coisa séria!
Os momentos, mesmo os mais fugazes, têm sempre horas. Tempo e espaço são as medidas da nossa vida. Sem estas duas ferramentas não conseguiríamos referenciar coisa nenhuma incluindo, sobretudo, o mais importante.