Seguidores

domingo, 11 de julho de 2010

UMA BOA SEMANA

"A maturidade é uma ave que levanta voo ao cair da tarde." Foi Platão que o disse, poeticamente.

E, realmente, os nossos "homenzinhos" feitos à pressa e cheios de opiniões, tal como os fabricam as nossas sociedades de aceleração e abundância, são tão infantis afectivamente!... O problema é ainda mais grave numa sociedade que não respeita os velhos."

P.Vasco Pinto de Magalhães, s.j
.

8 comentários:

Saozita disse...

Olá estimada amiga, quando não se respeitam os mais velhos, é porque a sociedade está doente, mais tarde teremos nós a paga de tudo o que fizemos... como é que nossos filhos nos respeitarão, se nós não somos respeitadores?

Beijinhos

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Não só não respeita, como os desprez...
Boa semana

Ana Martins disse...

É verdade, cada vez mais assistimos a este desprezo e falta de respeito para com os idosos.

Como diz o ditado, "Filho és, Pai serás, assim como fizeres, assim acharás".

Beijinhos,
Ana Martins
Ave Sem Asas

Laura disse...

Olaré querida bacouca que és de perto de mim..Braga...nascida em valença do Minho há 58 anos e...dentro das muralhas, é daí que tenho a mania da vida feudal e da corte...
estive doente e continuo mas muito melhor e assim, prometi..cá vim..


ah, essa da falta de respeito é entre todos e não só os mais velhos...mas que pena, revolta só que..cada um faz o que quer..infelizmente.
Beijinhos a ti da pariga das resteas, laura

bacouca disse...

Saozita,
Bem vinda ao meu cantinho. A porta está sempre aberta!
Na verdade, a sociedade, em duas gerações alterou-se e confesso que não sei se para melhor. Dantes as mães estavam em casa e vivia quase sempre uma avó ou avô. Eram acompanhados até partir. E as crianças cresciam conhecendo e respeitando o ciclo de vida.
Agora, as mães trabalhando os filhos vão bebes para o infantário, e os avós, como nao temos tempo para os lares. O mesmo nos irá acontecer...
Beijo

bacouca disse...

Carlos,
É a verdade triste. E quanto eles terão feito para o bem dos seus filhos e mesmo nós quanto tinhamos a aprender com eles!
Beijo

bacouca disse...

Ana,
Obrigado pela sua visita. Conto consigo e eu irei visitar o seu canto!
Na verdade o ditado é bem verdadeiro e olhe que a sabedoria popular não se engana!
Beijo

bacouca disse...

Laura,
Não sei se recebeu o email que lhe mandei. Espero que esteja já curada.
Realmente somos de muito perto! Valença dá asas à imaginação! Eu também tenho um encanto mas pela época medieval e ser, na altura, princesa ou dama de honor!
Mas isto é um segredo pois sei também como vivia o povo!
Mas pergunto: e hoje não há o clero, meia dúzia de ricos e por vezes são grandes ladrões(ou barões) e o povo???

Não há respeito por ninguêm, as pessoas olham para o seu umbigo e então se tivermos alguma limitação é que notamos essa indiferença.
Beijo